CURSO DE CAPACITAÇÃO E APERFEIÇOAMENTO

OFICINA DE PRODUÇÃO DE RELATÓRIOS DE ACOMPANHAMENTO

Adaptado da portaria TCU 165, que aprova o “Roteiro para Elaboração de Relatórios de Natureza Operacional” e do Manual TCU “Técnicas de apresentação de dados”.

Palestrante: JOSÉ PAULO MOREIRA DE OLIVEIRA

Brasília > 11 a 13 de maio de 2016

Carga horária: 20 horas/atividade

Horário: 8h30 às 18h (com intervalo para almoço)


Inscreva-se

scroll down arrow

APRESENTAÇÃO

Os padrões acerca do que seja um bom texto não são estáticos, tendendo a evoluir com o tempo, em função do aprimoramento das tecnologias da informação e das práticas exitosas adotadas por outras organizações. Para que se atinjam os objetivos, as equipes de produção devem atentar para o ponto de vista dos leitores, de modo a tornar os relatórios tão úteis e acessíveis quanto possível à sociedade. Para que a impressão inicial seja favorável, é importante que os conteúdos sejam bem estruturados, com resumos claros e ilustrações bem projetadas.

Não convém supor que leitores ocupados lerão relatórios complexos como se fossem romances de suspense, começando na primeira página e paulatinamente avançando até a última linha do parágrafo final do último anexo. Nesse sentido, o uso de ilustrações, aliado ao emprego de técnicas redacionais eficazes e inovadoras, podem ser fundamentais para a efetiva comunicação da mensagem contida no relatório, mostrando que suas conclusões estão baseadas em análises cuidadosas e evidências cabais.

Nesse sentido, faz-se necessário tanto persuadir aqueles que folhearem o texto a lê-lo mais atentamente, como fazer com que o público em geral veja o trabalho das equipes como um estudo sério.

PÚBLICO-ALVO

  • Auditores e servidores de CGEs e de Tribunais de Contas
  • Servidores responsáveis por controles internos
  • Fornecedores e prestadores de serviço
  • Membros de comissões de licitação
  • Membros dos Ministérios Públicos
  • Gestores de Órgãos e Programas
  • Ordenadores de despesas
  • Prefeitos e servidores de Prefeituras
  • Servidores das câmaras legislativas
  • Servidores responsáveis pelas contratações diretas
  • Servidores vinculados a Órgãos jurídicos
  • Demais profissionais interessados

OBJETIVOS DO TREINAMENTO

Proporcionar a aquisição de informações capazes de levar os participantes a:

  • Conhecer a expertise do TCU acerca da matéria, consubstanciada no “Roteiro para Elaboração de Relatórios de Auditoria de Natureza Operacional” e no Manual “Técnicas de apresentação de dados”.
  • Eliminar vícios de linguagem, capazes de provocar “ruídos” no processo comunicativo e atuar negativamente sobre a qualidade das informações contidas nos relatórios.
  • Esclarecer pontos relevantes, capazes de permitir a correta execução das atividades concernentes à produção textual, com economia do tempo despendido nas fases de planejamento e elaboração.
  • Implementar novas técnicas redacionais, visando atender plenamente às necessidades informacionais do leitor.
  • Imprimir coesão, coerência, clareza, concisão e pertinência na estruturação dos conteúdos, como recurso estratégico para alavancar melhores resultados e atender às expectativas do leitor, relativamente à eficiência e à praticidade das informações a serem prestadas.
  • Melhorar o padrão de clareza e legibilidade e obter significativas melhorias na performance comunicativa das equipes de trabalho.
  • Produzir resultados com qualidade e tempestividade, mediante a racionalização dos controles e a eliminação do excesso de burocracia, que engessa o fluxo normal das atividades, provoca retrabalho e prejudica a correta prestação dos serviços.
  • Transmitir aspectos teóricos e práticos vinculados à produção de relatórios, focados, prioritariamente, nos entendimentos relativos a pontos controvertidos.

CONTEÚDO PROGRAMÁTICO

MITOS E VERDADES

O que todo comunicador precisa saber

AS PARTES DO RELATÓRIO

Elementos preliminares, textuais e suplementares: visão geral do processo

MÓDULO I – ELEMENTOS PRÉ-TEXTUAIS          

Capa – Como definir uma identidade gráfica institucional.

Folha de rosto – Quais informações devem constar na ficha técnica do trabalho.

Agradecimentos – Como agradecer às pessoas/entidades/ institutos de pesquisa, que contribuíram de forma relevante para a elaboração do produto final.

Resumo – Como produzir resumos claros, concisos e eficazes. Como fazer com que o resumo forneça elementos capazes de permitir ao leitor decidir sobre a conveniência ou não de se consultar o relatório na íntegra.

Lista de siglas – Como redigir siglas corretamente e quando utilizá-las.

Lista de tabelas e Lista de Figuras – Quais os recursos disponibilizados pelo aplicativo Word para construí-las.

Sumário – Como fazer com que o sumário permita uma visão global do relatório e facilite sua consulta.

MÓDULO II – ELEMENTOS TEXTUAIS  

Introdução – Como redigir com eficácia os itens objeto, antecedentes, objetivos e escopo do trabalho, metodologia e forma de organização do relatório.

APRESENTAÇÃO de quem é craque na matéria – Exemplo extraído de relatório do TCU

Levantamento das principais questões – Como ordenar os problemas encontrados em grau decrescente de importância. Qual a sequência correta para desdobrar o texto em seções e subseções.

Conclusão – Como trazer para o leitor uma visão geral e sintética dos assuntos tratados. Como destacar os pontos fortes do trabalho, as principais oportunidades de melhoria e os possíveis benefícios esperados. Como relatar as dificuldades enfrentadas e destacar as iniciativas empreendidas no sentido de superar essas dificuldades.

Proposta de encaminhamento – Como explicitar as recomendações e determinações que a equipe entende devem ser submetidas aos gestores do órgão/programa e a instâncias superiores para a melhoria do desempenho do objeto.

MÓDULO III – ELEMENTOS PÓS-TEXTUAIS

Referências – Como fazer com que o teor da legislação seja sucintamente explicado ao leitor.

Apêndices e Anexos – Como distinguir um de outro. O que pode/deve ser incluído. Natureza informativa ou normativa dos Apêndices e Anexos

MÓDULO IV – APRESENTAÇÃO DE DADOS     

Perguntas essenciais – Como produzir ilustrações tecnicamente rigorosas e visualmente atrativas.

Apresentação de dados – Como demonstrar que as conclusões estão baseadas em evidências e análises cuidadosas. Como persuadir aqueles que folhearem o texto a lê-lo mais atentamente. Como fazer com que o público em geral veja o relatório como um estudo sério.

Tabelas – Como formatá-las. Como e quando utilizá-las. Tamanho da tabela. Precisão: é conveniente arredondar porcentagens e cifras numéricas?

Quadros – Como formatá-los. Como e quando utilizá-lo. Diferenças entre quadro e tabela.

Regras gerais para o uso de ilustrações.

Gráfico – Como utilizá-los com propriedade e elegância. Qual o papel da criatividade nessa questão. Como administrar as expectativas do leitor acerca da inclusão de gráficos em um relatório. Quais os tipos de gráfico comumente utilizados.

A receita do insucesso – O que pode dar errado nesse processo. Cuidados a serem tomados pelos Profissionais.

Diagramas, mapas, fotografias e caixas de texto – Regras gerais de uso. Fluxogramas e Organogramas. Mapas geográficos e de dados. Como e quando utilizá-los. Superposição de um gráfico de barras ou colunas a um mapa. O que considerar quanto à inclusão de fotos em um relatório. Quais os cuidados a serem tomados? Princípios básicos para elaboração e inclusão de caixas de texto em um relatório.

MÓDULO V – ESTILO DE REDAÇÃO     

Como evitar o uso de “Curingas”

Como utilizar com propriedade o paralelismo

Dica da ABNT: Como utilizar a estrutura DEVE, PODE, CONVÉM

Como anda seu conhecimento gramatical? Verificação dos principais erros capazes de comprometer a credibilidade do texto perante o leitor.

Dicas finais: Como obter coesão textual por meio do sequenciamento lógico das ideias e do uso de conectivos adequados. Como preservar a impessoalidade. Como evitar longos trechos descritivos, que não acrescentem informação útil à fundamentação dos argumentos. Citações diretas e indiretas: Como e quando utilizá-las.

PALESTRANTE

JOSÉ PAULO MOREIRA DE OLIVEIRA

Formado em Letras pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro e pós-graduado em Comunicação empresarial pela UCAM. Escreve artigos para várias revistas especializadas e sites mundiais e participa de bancas examinadoras para elaboração de provas de concursos públicos. José Paulo vem atuando como Professor, Palestrante e Consultor para mais de 500 empresas, em todo o Brasil, já tendo sido contratado por notória especialização pelos mais renomados órgãos públicos de todo o País.

São de sua autoria os livros “Como escrever textos técnicos” (editado pela Cengage Learning do Brasil), “A Redação Eficaz (editado pela Campus) e “Guia de Referência Promocional” (editado pelo Senai). Na área de manuais, escreveu “Dicas de Redação da Petrobras Distribuidora – BR e os manuais de redação da Docenave, da CGE do Maranhão e do jornal “O Liberal” (PA). Nosso Consultor é o responsável pela organização do Manual de Redação do Tribunal de Contas do Estado do Espírito Santo.


INVESTIMENTO

Valor total do investimento: R$ 3.050,00 (Três mil e cinquenta reais)

Lote 1: R$ 2.745,00 (Dois mil setecentos e quarenta e cinco reais)

Carga horária: 20 horas/atividade

Horário: 8h30 às 18h (com intervalo para almoço)

Benefícios:

02 almoços, 04 coffee breaks, 02 sessões de ginástica laboral com fisioterapeuta, material de apoio personalizado (mochila com porta notebook, caneta e caderno capa dura), certificado de participação, o livro Como Escrever Textos Técnicos, de autoria dos professores José Paulo Moreira de Oliveira e Carlos Alberto Paula Motta e uma assinatura exclusiva do Informativo Diário – Elo Consultoria.

FORMAS DE PAGAMENTO

O pagamento poderá ser efetuado via Nota de Empenho ou depósito em conta corrente, em favor da Elo Consultoria Empresarial e Produção de Eventos Ltda.

Banco do Brasil
Agência: 0452-9
Conta Corrente: 201.064-X

BRADESCO
Agência: 01526-1
Conta Corrente: 30300-3

BRB (Banco Regional de Brasília)
Agência: 0209
Conta Corrente: 600.202-2


Escola de Negócios Elo – Cursos e Eventos Ltda.

CEF (Caixa Econômica Federal)
Agência: 2458
OP: 003
Conta Corrente: 03457-7
CNPJ: 30.965.048/0001-03

INSCRIÇÃO

Faça a sua inscrição aqui, para isso basta escolher qual o tipo de curso e preencher o formulário abaixo.




















Solicitar curso In Company

LOCAL DE REALIZAÇÃO

Espaço de Eventos do Metropolitan Flat
SHN Quadra 2 Bloco H
CEP: 70702-905
Brasília – D
Como Chegar

HOTEL METROPOLITAN

SHN quadra 02, bloco H – Asa Norte, Brasília – DF, 70702-905

(61) 3533-8888

(Hotel com tarifas especiais para participantes de cursos da Elo Consultoria)

BRASÍLIA

SHN Quadra 2, Bloco H
Sobreloja
Metropolitan Hotel Brasília
CEP: 70.702-905 - Brasília/DF
CNPJ: 00.714.403/0001-00
Inscrição Estadual: 07.353.404/001-85
(61) 3327.1142 | (61) 3328.1390
elo@eloconsultoria.com

SÃO PAULO

Av. Paulista, 37, 4º Andar
Bela Vista – 01.311-902 – São Paulo/SP
(11) 2246-2736
flaviacardoso@eloconsultoria.com
A Elo Consultoria se reserva no direito de adiar ou cancelar qualquer curso caso haja insuficiência de quórum.
Receber
Ligação

A ELO SUSTENTÁVEL

Atendendo às necessidades das gerações presentes sem comprometer as gerações futuras.